Saque do FGTS Inativo 2021: Regras, Quem tem direito

O Governo Federal vem estudando uma forma de fazer a liberação do FGTS Inativo com a intenção de melhorar a rentabilidade do fundo. O principal objetivo é oferecer um novo estímulo para a economia nacional, garantindo assim que mais dinheiro circule dentro do território brasileiro. Isso se dar por conta do constante aumento do desemprego, então liberar esse FGTS é uma maneira de movimentar a economia.

No entanto, mesmo tendo se falado muito nisso, existem pessoas que não sabem do que se trata esse FGTS inativo e é sobre isso que vamos falar.

FGTS Inativo
FGTS Inativo

O que é o FGTS Inativo?

Primeiro você precisa entender que o FGTS nasce quando você cria uma conta vinculada ao contrato do seu trabalho.

Desse modo, no início de cada mês é depositado 8% do seu salário nesse FGTS, em caso de Jovem Aprendiz o valor é de 2%.

Então, ele consiste no total de depósitos que foram realizados em seu nome.

No entanto, em alguns casos esse valor fica inativo, ou seja, não é possível fazer o saque do mesmo e não há mais depósitos sendo realizados.

Isso acontece quando você pede demissão ou é demitido por justa causa, assim a conta fica automaticamente inativa.

FGTS
FGTS

VEJA TAMBÉM:

O que é o FGTS Ativo?

O FGTS ativo é o contrário do inativo, é aquele valor que pode ser resgatado normalmente.

E, lembrando, que ele só fica disponível assim para saque quando o trabalhador é demitido sem justa causa.

Portanto, você tem uma conta do FGTS ativa apenas quando está trabalhando normalmente e mensalmente um valor é depositado nela ou quando você sai do emprego de forma normal, sem pedir demissão e sem justa causa.

Nesses casos, automaticamente você tem acesso a conta e os valores que eram depositados mensalmente são liberados para saque.

Quem direito a Sacar o FGTS?

É possível fazer o saque do FGTS quando você se enquadra em alguns requisitos e são eles:

  • Demissão por parte do empregador e sem justa causa;
  • Término do contrato por conta do prazo determinado;
  • Rescisão do contrato por força maior ou culpa recíproca;
  • Suspensão relacionada ao trabalho avulso;
  • Aposentadoria;
  • Falecimento do trabalhador;
  • Ter 70 anos de idade ou mais;
  • Rescisão do contrato por conta da suspensão, extinção ou problemas financeiros da empresa.

Além disso, o saque também pode ser realizado caso o trabalhador:

  • Seja acometido por câncer;
  • Esteja em estágio terminal por conta de uma doença grave;
  • Seja portador de HIV.
Quem tem Direito ao FGTS
Quem tem Direito ao FGTS

Cada uma dessas situações é diferente e se enquadrando em qualquer delas você consegue fazer o saque do seu FGTS.

Como consultar o saldo do FGTS Inativo

É possível fazer a consulta FGTS pela internet de maneira fácil e rápida e vamos lhe ensinar um passo a passo abaixo:

  • Entre no site da Caixa Econômica Federal;
  • Preencha as informações que são solicitadas, como o NIS e a senha da internet. Caso não tenha essa última é preciso realizar o seu cadastro;
  • Em seguida, basta que você aperte em “ok”.
Como consultar o saldo do FGTS Inativo
Como consultar o saldo do FGTS Inativo

Na página que irá aparecer você poderá acessar as informações referentes ao saldo do seu FGTS.

Um comentário em “Saque do FGTS Inativo 2021: Regras, Quem tem direito”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *